1.6.07

Tão puros, tão puros que até comem pombas

Eles criam um outro mundo para o menino em que as mães são todas a Virgem, a senhora nossa (e as outras são todas putas). O menino foi concebido em pureza sacramental, no encontro dos espíritos (ou com uma pomba- o que se já se aproxima da zoofilia), e nasce tão limpo, tão limpo, que se vê logo, naqueles olhinhos semi-abertos o brilho de um anjo sem pecado.

Eles queriam um mundo para o menino em que o menino não tem corpo. Um mundo, que nós- que fomos concebidos em delirios eróticos, que nascemos sujinhos de sangue e membranas e cheinhos de desejo e pecado, nós que nascemos num corpo que vai morrer e morre todos os dias- nunca compreenderemos; a não ser que sejamos iluminados pela salvação (eu sempre achei que tinha tendência para asceta).

5 comentários:

Capitão Planeamento Familiar disse...

Exterminador Implacável 4, a solução..

Capitão planeamento familiar disse...

ja agora, o meu post anterior é um LINK..

Pedro Morgado disse...

Adorei o post.

É legítimo que se discorde do teor do filme, é legítimo que se discorde da inclusão de Educação Sexual nas escolas, é legítimo, até, que se promovam campanhas contra o uso do preservativo. O que não é aceitável é que uma parte da sociedade queira reduzir a educação sexual de todas as nossas crianças às aulas de catequese e à doutrina dos pais. É, também por isto, que é ainda tão comum ouvir dizer que os bebés nascem pelo recto...

me disse...

Tá lindo, puto!

(vai lá à mana que te deixei um recado)

Capitão Planeamento familiar disse...

Se a passagem do filme foi feita bi-partida foi para que haja escolha, há logica em ir contra situações criadas para que não haja problemas, objecções de consciência, ou insultos morais?

O que este país precisa é de situações realmente graves, para que as que de facto não o são sejam tratadas com a atenção devida, nenhuma.

Convenço-me que neste país existe algo certo: tempo a mais. Toda a gente trabalha de mais, mas continua a haver tempo e dinheiro para agarrar em centena e meia de crianças e leva-las para belém lutar contra o aborto agarrando em flores de papel feitas no infantário.. ídolas de novelas que pregoam às criancinhas que "rezem a deus pelo bem das crianças doentes, e ja que me dão ouvidos comprem todo o merchandising da minha novela pa eu puder comprar um mercedes novinho.. pas crianças doentes ta claro"


Mas enfim, viva todo o sistema que permite a livre acção da igreja, que não paga impostos, recebe inumeras quantidades de dinheiro, propriedades, e tudo o que possa dar jeito.


Peço desculpa, entusiasmei-me. Falarei noutro dia, quem sabe nunca, da carta enviada para os pais das crianças dum certo infantário da comarca religiosa, que agradece aos pais, em nome dos filhos, por nao "me terem abortado".



Para não me emergir apenas em depressão, deixo-vos este link espectacular do site da LANDOVER BAPTIST CHURCH:
Kids! Accept Jesus Christ as Your Lord and Savior and Get a Free PlayStation 2!


P.S.: reparem á venda na pagina principal o livro deles..! e ainda qualificam-se para uma playstation 3... se aceitarem cristo, recebem uma playstation2, se comprarem o livro, podem receber uma ps3! é só vantagens..